Redesign de Marca ou Atualização: quando é a hora certa de mudar?


De uns tempos pra cá tenho recebido vários pedidos para fazer o redesign de marca ou de empreendedoras que estão em dúvida se devem mudar ou não. E então, quando é o momento certo para mudar uma marca? E porque você deve mudá-la?

Acredito que você deve analisar algumas questões antes de tomar essa decisão e ver se realmente isso é algo estratégico do seu negócio ou se você apenas cansou do seu logo.

O logotipo de uma empresa simboliza sua identidade junto ao público, por isso uma mudança pode causar prejuízos, ou agregar ainda mais valor ao seu negócio.

Você se encontra em um momento em que é necessário se concentrar em novos produtos, serviços ou nichos? Quer aumentar a visibilidade no seu mercado? Quer ganhar notoriedade, ser bem lembrada pelo público e torná-la diferenciada no mercado?

O processo de rebranding não é uma tarefa simples e rápida. Exige tempo, atenção e um mergulho profundo em quem você é agora e como você quer ser percebida no futuro.

 

Devo mudar ou atualizar a minha marca?

Na atualização temos uma releitura da marca atual, mantendo a essência, da marca, o seu “DNA”. São mantidos os tons de cores e a base dos elementos gráficos. O trabalho deve continuar a transmitir os mesmos valores que a marca anterior oferecia, porém com um um toque de modernidade, mostrando que a empresa está conectada aos seus valores e comprometida com as novas necessidades de cada cliente.

Se a essência da sua marca continua a mesma e pouca coisa mudou em relação ao posicionamento do seu negócio, é bem possível que a sua marca esteja apenas ultrapassada e precise de uma atualização.

Não apenas a estética está datada, mas o design provavelmente não está compatível com a quantidade de dispositivos tecnológicos que exibirão seu logotipo – dispositivos móveis, tablets e similares.


Rebranding ou Redesign de marca

Há momentos que uma mudança na marca é necessária e legítima. Normalmente ela está associada a uma mudança estratégica do negócio ou porque a marca não tem um design de qualidade e que agregue valor.

Veja 7 sinais que indicam que o redesign de marca é relevante.

  1. Seu negócio passou por mudanças que resultaram num novo modelo de negócio ou direção da empresa.

  2. A sua marca não reflete os valores e o conceito do seu negócio.

  3. O nome do seu negócio mudou.

  4. Você não tem um design de qualidade.

  5. A marca atual não agrada seu público.

  6. Sua marca não é facilmente reconhecível.

  7. Quando você já não sente uma conexão com a marca.

Antes de mudar a marca pense nisso e contrate sempre um profissional.
Quer dar os próximos passos em direção a uma nova marca? Entre em contato e faça uma consulta.

maysa crowder
About me

Mãe, publicitária e atua como diretora de arte há mais de 15 anos. Paulistana com 100% sangue argentino. Vive em São Paulo, mas ama estar na natureza. Gosta de sonhar com os pés no chão. Acredita que o bom design é essencial para transformar uma ideia, produto ou serviço em algo diferenciado, eficiente e irresistível. Acredita no empreendedorismo, no trabalho colaborativo e em uma economia mais justa, criativa e sustentável. É uma eterna otimista.

YOU MIGHT ALSO LIKE

Identidade Visual para Arquiteta Lara Bisker
September 21, 2018
Identidade Visual e novo site para Infonuttri
August 16, 2018
Identidade Visual para Universo Eco
May 29, 2018
Rebranding e novo site para Agra Terapias Tântricas
May 23, 2018
A importância do Branding para Empreendedoras
April 06, 2018
Identidade Visual para Dona Curinga
October 02, 2017
Identidade Visual para Café e Lounge
August 04, 2017
Identidade visual para Tâmara Alimentos
July 06, 2017
Site para Chieco & Garbin
June 29, 2017

3 Comments

Paulo
Reply 25/06/2018

Discordo do ponto 7: "Quando você já não sente uma conexão com a marca". As marcas são intrumentos comunicacionais das empresas para otimizarem a percepção, da organização, dos seus produtos ou serviços junto do público alvo. A conexão pessoal do administrador com a marca deveria ser considerada irrelevante pois a marca não existe para encantar os administradores mas sim para seduzir os clientes.

    maysa crowder
    Reply 16/08/2018

    Oi Paulo, agradeço por você compartilhar o seu ponto de vista. Acho que isso é uma verdade quando falamos de marcas para empresas, mas hoje também abordamos o personal branding. Como pessoas em constante mudança, podemos precisar mudar a marca para que haja uma coerência com um novo posicionamento. A marca deve externalizar ou organizar a infinidade de valor que se encontra dentro de cada indivíduo. Nesse caso eu acho que a conexão faz sentido.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *